Diferenças entre Personalidade, Temperamento e Caráter.

Será que você se conhece tão bem quanto pensa? Pode ser confuso entender as diferenças, mas quando entendemos temos uma percepção mais realista de quem somos. Até mesmo os testes de personalidade, muitas vezes, não estão falando de personalidade.

Muitas pessoas falam sobre personalidade sem entender sobre o quê exatamente estão falando. Dizem “essa é minha personalidade, não posso mudar”. Mas, será que é mesmo? Será que não tem como mudar? Você vai entender isso hoje!

O que é Temperamento?

Os cientistas entendem que o temperamento é inato. Por isso, pessoas que cresceram juntas, até mesmo gêmeos, podem ter formas diferentes de reagir ao mundo ao seu redor.

Pessimismo, sensibilidade. liderança, doçura, extroversão são características do temperamento. Essas caraterísticas não são ruins nem boas. Pois, a questão é se conhecer, se aceitar e aprender a lidar consigo mesmo.

O temperamento não pode ser alterado. Por isso, uma pessoa introvertida, sempre será introvertida e uma pessoa com espírito de liderança nunca estará satisfeita se for subordinada. Mas, o temperamento pode ser maleável, quando conseguimos exercitar novas habilidades.

A ciência do Temperamento Humano elencou 4 tipos de temperamentos, sendo: sanguíneo, fleumático, colérico e melancólico. Descubra seu temperamento aqui.

O que é Caráter?

Caráter são traços morais e éticos como honestidade e senso de justiça. Diferentemente do Temperamento, o ele não é inato. Por isso, ele é construído ao longo da vida e tende a se alterar.

Situações traumáticas e vivências tendem a interferir no caráter, tanto para o bem quanto para o mal. Por exemplo, uma pessoa que foi magoada pode se tornar menos empática ou alguém que ficou seriamente doente pode se tornar mais generoso.

O que é Personalidade?

A personalidade é a união entre Caráter e Temperamento. A Psicologia define personalidade como organização de pensamentos, emoções e condutas que determinam os padrões comportamentais de uma pessoa.

As características inatas e as interferências do ambiente formam a personalidade. Isso significa, que alguns comportamentos podem ser alterados com o tempo, mas não totalmente, já que parte do que somos é biológico.

Author:
Teóloga e estudante de psicologia. Com experiência em dependência química, transtornos alimentares e relacionamentos conjugais e familiares.

Contact Us

Remarcações podem ocorrer até 3 hora(s) antes sem custo adicional