Medo excessivo do Covid-19: como lidar?

Cuidar-se é necessário para a sua proteção e para a proteção das pessoas que ama. Porém, muitas pessoas sentem um medo excessivo do Covid-19, que afeta a sua saúde mental e física.

Neste caso, é necessário compreender os limites para saber como se prevenir e lidar com esse medo. Lembre-se que todo exagero faz mal, ainda que ele pareça ser para o bem.

Quando o exagero começa?

Lembrar que é preciso se cuidar e se importar em ajudar as pessoas ao seu redor é benéfico. Assim, o exagero começa quando as preocupações com o Covid-19 ocupam uma grande parte do seu dia, quando você sente que isso causa a perda da paz.

Pensar no Covid-19 o tempo inteiro causa uma angústia muito grande, que se torna cada vez mais profunda. Esses sentimentos negativos liberam hormônios no corpo que podem ser tóxicos em uma grande quantidade, prejudicando alguns órgãos como coração ou intestinos.

Dores de cabeça, dor nas costas e insônia também podem ser sinais de estresse. Situações como essa, que estão fora do nosso controle, tem um potencial alto de provocar exaustão emocional. Quando o seu dia começa a ser prejudicado de alguma forma pela preocupação, é necessário reavaliar a situação.

Como lidar com o Covid-19

Pesquise como se cuidar. Procure por conselhos médicos, assim poderá se sentir mas seguro e proteger as pessoas ao seu redor. Faça o básico para se proteger, principalmente investido no aumento da imunidade com boa alimentação e atividade física.

Tenha momentos de lazer. Porque, da mesma forma que sentimentos ruins prejudica a saúde, sentimentos bons fortalecem ela. Ter um hobbie, fazer coisas divertidas coopera para a saúde mental e alivia um pouco do estresse que é despertado pela pandemia do Covid-19.

Filtre as informação que recebe para não ficar vulnerável a qualquer informação negativa. Pode ser bom trocar a TV por livros ou as notícias por outros programas, só para tirar um pouco o foco da pandemia.

Aumente o contato com pessoas saudáveis, que tragam outros assuntos além do Covid-19. Assim, o convívio social também será uma forma de proteger sua saúde mental. Faça uso, também, das redes sociais para conseguir isso.

Author:
Teóloga e estudante de psicologia. Com experiência em dependência química, transtornos alimentares e relacionamentos conjugais e familiares.

Contact Us

Remarcações podem ocorrer até 3 hora(s) antes sem custo adicional