Descubra se ele(a) te ama de verdade

Você tem dúvidas se ele(a) te ama de verdade ou se está apenas tentando ganhar algo com isso? Todo mundo sabe que as pessoas são capazes de qualquer coisa para conquistar alguém, mas nem sempre essa conquista é por amor. Em alguns casos, pode ser por interesse, necessidade de satisfazer carências ou o desejo de ter controle sobre alguém. 

Todos esses sentimentos são individuais, eles já estão na pessoa, ela já sente mesmo sem ter alguém e a pessoa escolhida chega para se encaixar em um espaço que já está determinado. Porém, quando se trata de amor as coisas mudam. O amor não é algo pronto que se dá para alguém, ele é construído a partir da relação. O espaço emocional que o outro vai ocupar também vai se construir aos poucos. 

Por isso, fique atento aos amores apressados, as paixões avassaladoras e as pessoas super intensas. Comportamentos assim apontam para uma necessidade emocional pré-existente ao relacionamento e isso pode ser uma armadilha que te levará a um relacionamento abusivo. Veja como o amor verdadeiro pode se manifestar.

Respeito ao tempo

O amor verdadeiro quer algo sólido, durável e saudável. Por isso, ele entende que a pressa pode gerar resultados opostos e decide ser mais analítico e responsável, não se apressando para conquistar mais do outro. Isso é um ato de cuidado, pois quem ama quer garantir que não vai magoar nem sair magoado. 

Cada pessoa tem um tempo diferente para lidar com seus sentimentos e organizar a sua vida para receber um relacionamento dessa dimensão. Entender isso faz parte do amor, é necessário viver um amadurecimento da relação. 

Respeita a sua individualidade

Se alguém te ama é porque se apaixonou por você ser exatamente quem é. Então, se ela quer mudar quem você é, ela não está amando você, mas o que ela pode ganhar estando com você ou os sentimentos que ela deseja que você desperte nela. Quem ama admira e incentiva o outro a evoluir com suas próprias habilidades.

É claro que em um relacionamento algumas mudanças precisaram acontecer naturalmente. Porém, nenhuma delas deve te anular ou fazer você se sentir sufocado. Essas mudanças são responsabilidades que o casal percebe serem necessárias para melhorar o relacionamento. Elas não são críticas pessoais e ou ataques a características ou gostos do outro, elas são ajustes na dinâmica do relacionamento.

Deseja crescimento mútuo

Quer evoluir e deseja ver o outro evoluir e ser feliz também. Porém, esse crescimento não é apenas em relação ao crescimento do relacionamento, mas se trata de ser feliz vendo o outro evoluir até em coisas que não têm ligação direta com o casal, como abrir uma empresa, começar em uma outra religião, ter novos amigos, melhorar o porte físico…

Isso acontece porque quem ama de verdade não tem medo de ver o outro crescer e se afastar por vezes, porque ele não precisa ter controle sobre a outra pessoa. Permitir e incentivar que alguém voe é uma bela forma de amar. 

Abre espaço para você na vida dele(a)

Você não precisa se esforçar para conquistar seu espaço na vida de outro, porque ele vai se abrindo naturalmente. Com o tempo a sua presença será solicitada em diversos momentos e situações, você será aproximado dos amigos e da família. Ela(a) também vai separar momentos do seu dia para dar atenção somente a você.

Da mesma forma, deseja que você abra espaço na sua vida também, então a relação se torna uma troca como deve ser. Alguns relacionamentos abusivos não vivem isso, a pessoa quer que você entre na vida dela te afastando da sua vida. Então, você passa a viver uma realidade que é somente a dela e perde de vista as pessoas e as coisas que amava.

Honestidade

Quem ama de verdade fala honestamente o que quer e pensa. Justamente porque isso é crucial para que o relacionamento dure. Por isso, não esconde nada que acredita ser importante. Ele toca em temas como ter filhos, casar no civil, ciúmes e planos para o futuro. Assim, terá certeza se vale a pena investir ou não no relacionamento.

O seu objetivo é se jogar de cabeça, mas antes de fazer isso, precisa conferir a profundidade para não se machucar. Os valores e os planos para o futuro são de extrema importância se ele(a) deseja viver ao seu lado.  Isso é o oposto da pessoa que se apaixona por carência ou outro motivo. Quem não ama se preocupa em satisfazer seus desejos e interesses momentâneos, sem pensar muito nas coisas que vem a seguir.

Author:
Formada em Psicologia e Teologia, ajuda casais e famílias desde 2016 com Técnicas comprovadas cientificamente.