8 sintomas de quem está entrando em Depressão

A depressão pode ser confundida com muitas coisas, entre elas luto, tristeza, preguiça, raiva e apatia. Mas como definir se o que estamos vivendo é o início de uma doença ou se é apenas uma fase da vida?

Primeiramente, você precisa entender que não é um sintoma que determina uma patologia. Ela precisa ser avaliada pelo conjunto de sintomas, intensidade, frequência e consequências. Por isso, somente um profissional consegue diagnosticar.

Para te ajudar a ter uma noção melhor do que pode estar acontecendo, separamos alguns sintomas que indicam o início de uma depressão. Veja cada um deles e se você se identificar, procure um psicólogo.

1. Cansaço e indisposição constantes

Sem ter motivos, a pessoa se sente cansada física e emocionalmente. Assim, não consegue ter o mesmo desempenho em suas tarefas diárias e até as ações mais simples podem parecer complicadas e cansativas.

2. Sensação contínua de tristeza ou vazio

Os sentimentos de alegria, empolgação e felicidade se tornam cada vez mais escassos. Por isso, na maior parte do tempo, a pessoa deprimida sente tristeza ou vazio, também uma forte sensação de solidão.

3. Alterações no apetite e no sono

As alterações hormonais interferem em muitas áreas emocionais e físicas. Por isso, existem algumas alterações fisiológicas. O sono e o apetite são os mais comuns. 

O apetite pode tanto aumentar quanto diminuir, geralmente fica instável oscilando de um extremo a outro. Algumas pessoas podem desenvolver um comportamento alimentar compulsivo, chegando à obesidade.

As alterações do sono podem variar entre dormir demais ou não conseguir dormir, entrando nas mais diversas características da insônia. Desta forma, o cansaço aumenta e o humor se torna irritadiço.

4. Menos interesse por atividades que gosta

A pessoa deprimida abandona até mesmo as atividades que mais amava, colocando até seus sonhos em risco. Assim, podem prejudicar a sua vida profissional e a sua saúde física.

5. Isolamento social

Mesmo em meio a diversas pessoas, o deprimido tende a se sentir solitário. Por isso, não vê mais sentido em sair com amigos e ter atividades sociais. 

Porém, algumas pessoas com depressão podem fazer o oposto. Elas investem em sair como motivos para beber e utilizar drogas, desta forma conseguem reativar algumas emoções.

6. Perda de autoestima

Ainda há discussões se esse sintoma é uma das causas ou uma consequência… Por isso, o profissional deve avaliar cada caso separadamente.

Mas independente do diagnóstico, a baixa autoestima é muito marcante em pessoas que estão deprimidas. Elas percebem a si mesmas de forma muito negativa, não valorizando seus aspectos positivos.

7. Falta de concentração

Ler, trabalhar, até mesmo assistir um filme pode ser desafiador. Pois, a mente da pessoa deprimida pode divagar por diversos caminhos, especialmente pelo seu passado. 

8. Lentidão generalizada

Esse é um dos sintomas que mais chamam a atenção dos familiares. A pessoa deprimida fica mais lenta para falar, fazer tarefas e até mesmo para pensar. 

O que depressão não é

A depressão é confundida com muitas coisas, porque muitas coisas são sintomas dela. Solidão, carência, tédio, apatia, desesperança, culpa, ansiedade e o luto. 

Se existe alguma dúvida a respeito da sua saúde mental ou da saúde mental de um conhecido, busque por um profissional. O olhar analítico de um profissional pode ver mais e apontar o caminho certo.

Author:
Teóloga e estudante de psicologia. Com experiência em dependência química, transtornos alimentares e relacionamentos conjugais e familiares.

Contact Us

Remarcações podem ocorrer até 3 hora(s) antes sem custo adicional